sábado, 2 de janeiro de 2010

BOLERO DE RAVEL





Desejo a você…
Fruto do mato
Cheiro de jardim
Namoro no portão
Domingo sem chuva
Segunda sem mau humor
Sábado com seu amor
Crônica de Rubem Braga
Filme antigo na TV
Ter uma pessoa especial
E que ela goste de você
Música de Tom com letra de Chico
Frango caipira em pensão do interior
Ouvir uma palavra amável
Ter uma surpresa agradável
Noite de lua Cheia
Rever uma velha amizade
Ter fé em Deus
Rir como criança
Ouvir canto de passarinho
Sarar de resfriado
Formar um par ideal
Tomar banho de cachoeira
Pegar um bronzeado legal
Aprender um nova canção
Esperar alguém na estação
Queijo com goiabada
Pôr-do-Sol na roça
Uma festa
Um violão
Uma seresta
Recordar um amor antigo
Ter um ombro sempre amigo
Uma tarde amena
Tocar violão para alguém
Ouvir a chuva no telhado
Vinho branco
Bolero de Ravel
E muito carinho meu.

Carlos Drummond de Andrade foi um poeta brasileiro (1902 - 1987)

14 comentários:

Potira disse...

Amei a nova foto do teu perfil!!!

Uma verdadeira Deusa!!!

=)

Anônimo disse...

Retrato lindo....esculturas estimulantes.....musica...pinturas......realmente uma artista

muitos beijos seu blog é uma beleza...a cereja do bolo

Carlos

El Brujo disse...

Meu olhar em fogo
Devora cada palavra
Dos teus textos aqui na tela
Encanto e em versos,
As rimas parecem rasgar a pele
Como rastros de uma tatuagem
Desenhada em beijos e afagos

Bom domingo artista!

Deusa disse...

Potira minha querida
voce é um Anjo
Obrigada querida
tenha um ótimo domingo

Deusa disse...

Carlos meu querido
sumidíssimo
que bom ter voce aqui no meu espaço
Um excelente domingo e um Abraço Apertado

El Brujo disse...

Rasgo a tua pele, tal qual seda pura
Que protege tua lua toda aberta em flor
Plantando bem fundo as raízes duras

Assim a tristeza se vai sem deixar vestígios
Inundando de alegria essa tua alma livre
Reservando-te momentos inesquecíveis

Fazendo a madona brilhar em esplendor
Renascendo o teu sol de felicidade e calor
Levando pra sempre do teu espírito a dor!

No abraço quente como o domingo de verão, todos que em mim habitam, sentiram e gostaram!

Aproveitando pra viajar na tua arte!

ellen disse...

Poema bem escolhido para desejar um bom ano 2010 e com este Bolero de Ravel que eu tanto adoro ouvir...entranha-se na alma! :)

Desejo-lhe tudo de bom para este ano 2010. Beijinho

Maria disse...

AMIGA...
ESTOU CHEGANDO SEMPRE ATRASADA.


BOLERO DE RAVEL...

FICO SEM PALAVRAS..

MEU FILHO...,NA BRINCADEIRA
DIZIA ASSIM:-
EU NA BARRIGA DA MÃE CRESCI OUVINDO ESTE TUM...TUM..

EU DIZIA:- BOLERO DE RAVEL...

UMA ÉPOCA DIFICIL PARA MIM, ESTA GRAVIDEZ, E O QUE ACALMAVA MEU ISPIRITO...,

MUSICA E MUSICA...,
BOLERO DE RAVEL QUASE SEMPRE HAHAHAHAH...

HOJE, TENHO OUVIDO POUCO,

ALIÁS É POUCO DE TUDO...HAHAHAHAH

:)) BEIJOSSSSSSSSSSSSSSSSS

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

De fotinha nova!
Que linda é voce!!!

Esse poema com essa musica encheram meu domingo de cor e alegria!

Beijo!!!

Ana

http://incongruentelisura.blogspot.com/

Regina d'Ávila disse...

Quero tudo isso....
Pronto...achei meus desejos para esta ano..
Beijossssssssssss mil...
Rê.

Deusa disse...

Bruxo ... Bruxo... Bruxo
Usas bem as palavras
Uso bem as mãos ...
Que dupla ....rssrsr
Abraço Apertado daqueles que sabemos bem dar ...

Deusa disse...

Maria minha querida irmã
Adoro voce
Minha Maria Manuela do coração
estou perdendo a bússola o que faço ?
rssrsrsrsr

Deusa disse...

Regina querida
Agora só ligando o piloto automático...
hahahahaah
e que os Deuses me protejam
srsrsrsrsr

Hod disse...

O Mix da Ravel e Drummomd criaram duas tecituras magistrais...

Abraço bem apertado...apartado da desconfiança!!!

Hod.