sábado, 29 de agosto de 2009

Aparência X Essência

Antelope Slot Canyon
Encontrei esse texto da Clarice Lispector do livro Perto do Coração Selvagem



Viver em sociedade é um desafio porque às vezes ficamos presos a determinadas normas que nos obrigam a seguir regras limitadoras do nosso ser ou do nosso não-ser...

Quero dizer com isso que nós temos, no mínimo, duas personalidades: a objetiva, que todos ao nosso redor conhece; e a subjetiva...

Em alguns momentos, esta se mostra tão misteriosa que se perguntarmos - Quem somos? Não saberemos dizer ao certo!!!


Agora de uma coisa eu tenho certeza: sempre devemos ser autênticos, as pessoas precisam nos aceitar pelo que somos e não pelo que parecemos ser...

Aqui reside o eterno conflito da aparência x essência.

E você... O que pensa disso?

11 comentários:

Hod disse...

Aloha querida e doce Deusa!!
Aparência está relacionada com o ego (mundo sensorial), culturas, mente!!
A chave aqui olhar para o mundo como se o mundo fosse uma grande parede de tijolos!!

Essência está relacionada com Consciência, Energia, frequência.

A Essência escolhe os mais lindos e grandes Diamantes. Já a aparência escolhe qualquer pedrinha colorida!!!

Bjuss!!
Alôha querida amiga!!

Hod.

expressodalinha disse...

Há alguma alternativa sem ser vivermos em sociedade? Como é que podemos ser aceites pelo que não somos? Essa escritora é pior que La Palisse!

entremares disse...

Quem sou eu?
Sou aquele que se vê no espelho... ou aquele que tu vês na rua?

Assim podia eu descrever o que pensei, ao ler este texto. E tu? Não és tu mesma uma deusa das artes... e uma mulher à procura de si mesma? Não coexistem as duas essências dentro da mesma aaprência?
Percebo o que tentas dizer, eu creio... Mas, por vezes, não te aconteceu já “sentir” que podes ser o que quiseres, só porque assim o desejas?
Queres ser algo... e as pessoas olharão para ti desse jeito.
Acordas triste e abatida... e o mundo ver-te-á cinzenta.
Acordas feliz e saciada de amor, e o mundo sorrirá à tua passagem, rendido aos teus encantos.

A aparência também é escrava da essência, se tu o quiseres.

O que pensas tu disto?

Beijos.
Rolando

Luciana Kotaka disse...

Realmente os textos da Clarice nos coloca para pensarmos. Muito interessante seu blog! Beijos grandes

Deusa disse...

Meu querido Hod ...Aloha !
Saudades de vc por aqui.
Eu diria que a essência de uma pessoa ,perfuma o ambiente , mesmo ela não estando presente.
Isso se aplica ao virtual, ao real e acho mesmo até o atemporal.
Abraço muito carinhoso !!

Deusa disse...

Meu querido expresso , não se chateie , Clarice Lispector , deixou muita coisa boa ...ela não era mázinha ...rs


"Eu escrevo sem esperança de que o que eu escrevo altere qualquer coisa. Não altera em nada... Porque no fundo a gente não está querendo alterar as coisas. A gente está querendo desabrochar de um modo ou de outro..." ( Clarice Lispector)

Aceite um abraço fraterno e muito carinhoso.

PS: Adoro vc polêmico ,não mude !
De certa forma isso aprimora o bom raciocínio.

Deusa disse...

Meu querido Rolando

Acredito que a comunicação virtual , nos abriu canais de percepções extras sensoriais.
Não visualizamos as pessoas , mas as "sentimos ", pela maneira como se expressam , como elas reagem , são sinais muito perceptíveis para qualquer um de nós.
Quanto ao nosso dia a dia,que podemos denominar de "Cotidiano Real" transmitimos tambem , até pelo simples olhar e pelos nossos pequenos gestos ,o que somos quer na aparência quer na essência.
Uma pessoa bem educada e de bem com a vida , tanto faz ela estar aqui na América ou mesmo aí na Europa , Ásia ou outro continente , vai ser sempre a mesma.
Daí venho a concordar com a frase do "expressodalinha" Como é que podemos ser aceitos pelo que não somos? Entendi o questionamento dele .
Meu querido amigo , sabe o que mais tenho aprendido , nesses anos todos de Comunicação Virtual ?( que já são mais de 10 )
A comunicação ESCRITA essa sim é a mais difícil e complicada do Planeta ..rsrssrsrsr
Beijooooooo carinhoso e Abraço Apertado
Adoro Voce !!

Regina d'Ávila disse...

Amiga, como você foi fundoooooo..profundo e complexo.
Mas sim...acho que somos "várias", pois cada um nos vê com seus próprios olhos..e cada um tem a sua "leitura", a sua interpretação...muda até, as vezes, com o momento da pessoa..
Bem..e mais complicado ainda, é no campo "virtual", pois não estamos vendo os olhos ...os sinais...e temos de decifrar tudo isso apenas nas escritas...
Difícil demaissssssss...
Será que as pessoas conseguem, realmente, nos conhecer, somente nestes cantinhos virtuais???
Beijos querida amiga..
Bom final de domingo.

Deusa disse...

Minha querida Amiga

Eu acho que certas pessoas mesmo no virtual conseguem nos passar mto da sua essência , não completamente , mas MUITO
Aqui no virtual certa Sintonia se faz presente é inegável.
Eu sinto esse envolvimento energético, que por sinal me faz muito bem.
Um abraço bem apertado e carinhoso
beijooooooo

Amiga do Cafa ( Celamar ) disse...

Penso que Clarice Lispector não conseguiu vencer o desafio. Ela mesma vivia em desconforto. Gosto dela. Cheia de questões e digressões.
Difícil encontrar pessoas autênticas. Verdadeiras.
O egoísmo É.
Mas viver é conviver em sociedade. Não há outra solução " melhor. Vivamos então com nossas imperfeições aceitando-as e tolerando a dos outros, para que eles tolerem as nossas.
A convivência é difícil.
A grande pergunta, ainda sem resposta : Quem somos nós ?
Você ousaria responder ?
Bj

Hod disse...

Por isso Deusa que digo que sua fragância permeia as atmosferas do meu espaço, porqeu virtual mesmo são os pixels, os pequenaines fractais de bits...que conduzem nosas verdadeiras emoções através dessa estrada invível e intangível da webnética!!

Imagine que dentro de alguns anos vamos deixar de falar em amigos virtuais pra falar em amigos holográficos!!!!! E quando a criogênia for uma realidade, nos encontraremos daqui mil anos!!!!!

Adorei sua visita!! O link do Muco- Museu da corrupção esta lá para vc compartilhar com seua amigos em rede!!!
Bjuss querida Deusa!!

Hod.